Blasés

segunda-feira, 15 de setembro de 2008
Diante, do mar e da música. Surge a pergunta:
-Você perdoria uma traição?
-Nããoo!!!A única reação a essa resposta foi uma cara de, "ñ era isso q eu queria ouvir".(rsrsr)

Então porque a pergunta, se no final das contas o amor q os dois sentem, vai voltar a tona e se realmente ñ houver o perdão, nessa hora, vai chegar o arrrependimento...Arrependimento de não ter conversado antes sobre a relação, de ter deixado os momentos simples e felizes passarem despercebidos, e saber q alguém quer estar do seu lado, msmo depois de ter errado,mas vc escolheu ficar só!
Não q eu esteja defendendo a traição, que em alguns casos é só um motivo de "acabativa"(uma péssima forma de "acabativa", por sinal. mas fazer oque, tem gente q ñ tem criatividade)....
Não perdoar quem se ama, é um traição consigo msmo, uma covardia de ñ querer adimitir o amor, o maior culpado disso é o medo q existe em nós, p/ nos proteger, e que nos fazem perder sensações de prazer absurdas, até então nunca sentidas.
Então, o melhor a fazer é "perder a noção do perigo"(rsrsrs) e ñ deixar q o medo mantenha nossos pés no chão.


... E depois de alguns momentos de reflexão, ele sai.
Pela sua cara já nem lembra mais da resposta negativa, e pelo visto perdeu a noção do perigo!!!!




P.s.: Nunca peça conselho amorosos a estranhos, vc pode piorar sua confusão

2 comentários:

André Dias disse...

"Não" é uma palavra muito forte... ela é a "acabativa" na sua mais pura forma... mas enfim... cara de "não era isso q eu queria ouvir"?... pedir conselhos a estranhos é dar uma brecha grande(quase uma avenida) pra se ouvir a verdade... e como a verdade dói... cada um deve saber o qnto de verdade se é capaz de aguentar....

Mari De Paula disse...

HUahuaHUAhuhua...

"NAAAAUMMMM"

Creative Commons License
André Dias Textos by Pensamentos Avulsos is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Brasil License.